Pesquisar no Diário...

A carregar...
« »

Passaporte de um BOMBEIRO

Passaporte de um BOMBEIRO
Um espaço onde damos a conhecer bombeiros emigrados em todo o mundo!

19 Outubro 2014

TAGGED UNDER:

Homem morre em acidente com trator em Seia

Um homem de 48 anos morreu, esta sexta-feira, em Folhadosa, no concelho de Seia, na sequência de um acidente com um trator agrícola.

Segundo fonte do Comando Distrital de Operações e Socorro (CDOS) da Guarda, o acidente ocorreu às 12.06 horas e a vítima, residente no concelho de Tábua, morreu no local.

O comandante dos Bombeiros Voluntários de São Romão, Ângelo Martins, adiantou à Lusa que o homem estava a proceder ao corte de pinheiros quando o acidente ocorreu.

"O trator terá tombado e [o manobrador] foi apanhado por ele", disse o responsável, indicando que o óbito foi confirmado no local pela Delegada de Saúde.

Estiveram no local do sinistro os Bombeiros Voluntários de São Romão, com cinco homens e três viaturas, e elementos da GNR.

Fonte do Comando Territorial da GNR da Guarda adiantou à Lusa que este ano, no distrito, já se registou a ocorrência de seis acidentes com tratores agrícolas, que originaram três mortos, dois feridos graves e um sem gravidade.

Em 2013, aquela força de segurança teve conhecimento de 12 acidentes de trabalho e de viação, que envolveram aqueles veículos, que causaram nove vítimas mortais, um ferido grave e três feridos sem gravidade.

Fonte: JN

17 Outubro 2014

TAGGED UNDER:

O calor vai estar de volta na próxima semana

As temperaturas máximas vão voltar a subir gradualmente a partir de sábado 2 a 3 graus Celsius por dia, atingindo os 30 graus nalgumas regiões do país.

O Instituto Português do Ar e Atmosfera (IPMA), prevê para a próxima semana muito sol e temperaturas acima da média. «As temperaturas vão subir nos próximos dias. Prevê-se uma subida da temperatura máxima a partir de sábado e sem precipitação. Podem subir 2/3 graus por dia, o que faz com que no início da semana já se note o tempo mais quente», anunciou a meteorologista Cristina Simões.

Para esta sexta-feira e durante o fim-de-semana ainda se prevêem períodos de chuva nas regiões do norte e centro, sendo mais intenso no litoral. Depois, gradualmente as temperaturas vão subindo, sendo que as temperaturas mínimas manter-se-ão na ordem dos 20 graus. 

A partir de domingo o céu vai estar limpo e as temperaturas prometem chegar aos 27 graus, mas a partir de segunda e até quarta-feira deverão chegar aos 29 graus, na região do Porto.

(c) PNN Portuguese News Network

TAGGED UNDER:

Mais quatro casos suspeitos de ébola em Espanha

Três dos doentes com sintomas do vírus ingressaram no hospital em Madrid; o quatro registou-se em Tenerife.

Há mais quatro casos suspeitos de ébola em Espanha: três em Madrid; e um em Tenerife.

No hospital Carlos III, onde a auxiliar de enfermagem Teresa Romero está internada, deram entrada dois doentes com sintomas de infeção pelo ébola e aguarda-se a chegada de um outro, avança o jornal El País. São eles o passageiro do voo da Air France que, após queixar-se de dores de cabeça levou à imobilização de do avião no aeroporto de Barajas, em Madrid; um missionário vindo da Libéria; e um enfermeiro que viajou na ambulância que transportou Teresa Romero.

O quarto caso, em Tenerife, diz respeito a um enfermeiro da Cruz da Vermelha regressado há uns dias da Serra leoa, onde trabalhava num hospital que atende doentes com ébola.

Fonte: DN

TAGGED UNDER:

Grávida e bebé morrem em despiste de carro

O despiste de um veículo ligeiro, pelas 7.45 horas desta sexta-feira, em Alcácer do Sal, causou a morte da condutora, grávida de 7 meses. Os médicos tentaram salvar o bebé fazendo uma cesariana, mas a menina acabou também por morrer.


O carro despistou-se, na Estrada Nacional 5, num troço conhecido como "a descida da terça", pouco antes da localidade de Alberge, Alcácer do Sal.
A condutora, de 31 anos, e grávida de 7 meses, seguia para o emprego, em Alcácer do Sal, quando o veículo entrou em despiste, roçou na vedação de um campo agrícola e embateu lateralmente numa árvore.
Grávida e bebé morrem em despiste de carro
FOTO PAULO LOURENCO/JN
Carro entrou em despiste e embateu lateralmente numa árvore
No local estiveram os Bombeiros Voluntários de Alcácer do Sal e a VMER do Litoral Alentejano. Quando chegaram, as equipas de socorro encontraram a mulher, dentro do veículo, em paragem cardíaca. Foi depois transportada para o centro de saúde de Alcácer, onde foi declarado o óbito.
Os médicos decidiram fazer uma cesariana numa tentativa de salvar o bebé, mas tal já não foi possível, tendo a menina também falecido.

Fonte: JN

Operário cai em tanque com água a 97 graus

Um operário de uma empresa de tratamento de alumínio, em Revelhe, Fafe, caiu, esta quinta-feira, num tanque que continha água a uma temperatura de 97 graus.

O operário estaria a usar calçado inadequado para a função, terá escorregado na berma do tanque e caiu.

Foi assistido no local pelos Bombeiros de Fafe e, mais tarde, por uma médica do INEM.

Acabou por dar entrada no Hospital de Guimarães com queimaduras de média gravidade nos membros inferiores.

Fonte: JN

TAGGED UNDER:

Alunos intoxicados com alcatrão em escola de Odivelas

Dezassete crianças da Escola Básica Gonçalves Crespo, em Odivelas, sofreram, esta quinta-feira, uma intoxicação por inalação de alcatrão, o que levou à evacuação e encerramento do estabelecimento escolar, disse o comandante dos bombeiros locais.

Segundo adiantou o comandante dos bombeiros da Pontinha, Odivelas, Pedro Santos, as crianças inalaram alcatrão, oriundo de uma obra de repavimentação que decorre junto à escola.


De acordo com a mesma fonte, as crianças apresentavam sintomas de náuseas e vómitos, tendo sido assistidas no local e sem necessidade de serem transportadas para o hospital.

Contudo, o incidente, que teve início às 13:20, levou a que os cerca de 650 alunos e funcionários da escola fossem retirados do local e ainda ao encerramento do estabelecimento escolar, pelo menos até sexta-feira.

"A direção da escola e a proteção civil de Odivelas fará amanhã [sexta-feira] uma nova avaliação e verá se é possível ou não reabrir a escola", explicou Pedro Santos.

No local, estiveram nove viaturas de emergência médica.

Fonte: JN

Mais de 150 pessoas resgatadas no Nepal após tempestade de neve

As equipas de salvamento nepalesas resgataram mais de 150 pessoas dos trilhos dos Himalaias, incluindo várias dezenas de montanhistas estrangeiros, que estavam dadas como desaparecidas após uma forte tempestade de neve que afetou na terça-feira a região.

"Hoje fizemos grandes progressos. Trouxemos de volta sãos e salvos 154 sobreviventes, incluindo 76 estrangeiros", afirmou hoje, em declarações à agência francesa AFP, Ganesh Rai, responsável pela coordenação das operações de salvamento.


Vinte e seis montanhistas e guias, incluindo 22 estrangeiros, encontraram refúgio numa casa em Thorong High Camp, a 4.800 metros de altitude, confirmou à AFP um dos elementos do grupo, um norte-americano, contactado por telefone.

A intensa queda de neve, também acompanhada de chuva forte, que afetou aquela região fez cerca de 30 vítimas mortais.

Os corpos de 23 pessoas foram encontrados nos trilhos do reconhecido circuito de Annapurna (na zona central do Nepal) e as equipas de socorro admitem que cinco montanhistas terão sido apanhados por uma avalanche. Os montanhistas estariam num acampamento no Monte Dhaulagiri (8.167 metros de altitude).

Na lista de vítimas mortais constam ainda três guardadores de iaques (bovino da região dos Himalaias).

Milhares de montanhistas visitam anualmente a região de Annapurna durante o mês de outubro, a época em termos climatéricos considerada mais favorável para a realização dos trilhos.

Para a realização de trilhos nos distritos afetados de Manang e Mustang estavam registados 168 montanhistas estrangeiros.

O mau tempo que afetou a região foi desencadeado pelo ciclone Hudhud, que atingiu a costa leste da vizinha Índia durante o fim de semana.

Fonte: JN

TAGGED UNDER:

Avião francês retido em Espanha devido a suspeita de passageiro com ébola

Um avião da Air France foi interceptado esta quinta-feira, 16 de Outubro, no aeroporto de Barajas, Madrid, devido a um passageiro que apesentou sintomas do ébola.

Um passageiro nigeriano a bordo do voo AF1300, que fez a ligação entre Paris e Madrid, foi submetido esta quinta-feira a exames clínicos devido a sintomas semelhantes aos do ébola.

Depois de activado o protocolo de segurança, os 180 passageiros foram evacuados do avião. O cidadão, proveniente de Laos e que apresentava sintomas de febre e dores de cabeça, foi examinado no local.

O voo de regresso a Paris foi cancelado e o paciente transportado para um hospital em Espanha.

(c) PNN Portuguese News Network

TAGGED UNDER:

Criança morre em incêndio na Amadora

Um incêndio que deflagrou durante a madrugada desta sexta-feira num prédio no Bairro do Zambujal, na Amadora, causou a morte de uma criança e deixou sete pessoas desalojadas, confirmou ao PÚBLICO a Protecção Civil daquele município.

A vítima mortal teria 14 anos e era a única que ainda permanecia na habitação do prédio onde ocorreu o incêndio quando os meios de socorro chegaram ao local. As restantes sete pessoas conseguiram sair de casa sozinhas, explicou António Sardinha, técnico da Protecção Civil da Amadora. Porém, alguns vizinhos ouvidos no local pela TVI referem que a criança teria dez anos.
A mesma fonte da Protecção Civil adiantou que a criança foi encontrada em estado grave devido à inalação de fumos, tendo sido encaminhada para o Hospital Fernando da Fonseca (Amadora-Sintra), onde veio a morrer.

As circunstâncias em que o incêndio deflagrou ainda estão por esclarecer, mas uma equipa da Polícia Judiciária ainda irá ao local durante esta sexta-feira para tomar conta do caso.

O alerta para o incidente no segundo andar do edifício foi dado às 3h38. No local estiveram dois elementos da Protecção Civil da Amadora, 12 elementos dos Bombeiros Voluntários da Amadora apoiados por cinco viaturas, 31 efectivos da PSP com seis viaturas e seis profissionais do Instituto Nacional de Emergência Médica acompanhados por três ambulâncias

Fonte: Público

16 Outubro 2014

Bombeiros queixam-se da falta de informação sobre o ébola

Os bombeiros querem mais esclarecimentos e medidas de protecção por causa da epidemia do ébola, o que levou a Liga solicitou uma reunião urgente à Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC).

Jaime Soares, o presidente da Liga dos Bombeiros, lamenta que estes profissionais - todos os dias na linha da frente no contacto com a população - não tenham recebido qualquer indicação sobre o seu papel no plano de contingência. 

“Até hoje não tivemos nenhuma aproximação nem da Direcção-geral de Saúde, nem do INEM para acertarmos qual possa ser a melhor forma de os bombeiros intervirem em qualquer situação anómala”, disse à Renascença. O mesmo responsável considera ser fundamental dar informação, formação e protecção aos bombeiros, enquadrando-os no plano de contingência que já está em curso. 

Também os Bombeiros Profissionais emitiram, esta quarta-feira, um comunicado dando conta do mesmo tipo de preocupações, criticando sobretudo o facto de os bombeiros desconhecerem por completo os procedimentos adequados em caso de risco. 

Ainda por causa do ébola, os técnicos de emergência do INEM levantam dúvidas sobre o nível de preparação que lhes foi dado. 

Durante uma concentração em Lisboa, que tinha como objectivo principal pedir melhores salários e horários, Carla Soares, uma das manifestantes, revelou à Renascença existirem poucos técnicos do INEM devidamente preparados: “Integrei a equipa do ébola, mas somos um grupo restrito de dez, 12 pessoas que recebeu formação específica sobre o ébola, mais ou menos há um mês. Ainda não temos conhecimento de mais nenhuma alteração à formação que tivemos”, disse. 

O vírus já matou 4.447 pessoas de um total de 8.914 indivíduos infectados. 

Em Portugal não há casos registados. Perante a evidência de sintomas suspeitos o doente deve ligar para a Linha Saúde 24 (808 24 24 24) e esperar que, se a situação for validada como suspeita, o INEM vá ao encontro do doente em causa.

Fonte: Rádio Renascença 

15 Outubro 2014

Chuvas torrenciais causam terceira morte em Itália

Uma mulher de 73 anos que morreu, esta quarta-feira, soterrada devido a um deslizamento de terras em Muggia, Trieste, é a terceira vítima das chuvas torrenciais que caem desde o início da semana no norte e centro de Itália.

Na terça-feira, morreram duas mulheres, de 65 e 69 anos, depois de o veículo em que seguiam ter sido arrastado pelas águas de um rio na região da Toscana, no centro do país, que transbordara devido à forte precipitação.


O aumento do caudal do rio ocorreu alguns dias depois das inundações que se registaram em Génova (noroeste), onde morreu um homem de 57 anos e que causaram grandes danos materiais, tendo uma parte da cidade ficado coberta de água e lama.

O mau-tempo que está a afetar sobretudo o norte do país e que se caracteriza por chuvas torrenciais e concentradas em bátegas de poucos minutos, provocou o transbordo, em Trieste, de alguns rios, como o Corgnoletto, que inundou algumas ruas do centro da cidade.

Desde hoje de manhã, efetivos do Exército italiano deslocaram-se para as províncias de Parma e Alessandria para intervir em algumas localidades para ajudar a população a remover a lama, retirar a água das casas e caves inundadas e os objetos que obstroem as estradas, para repor a circulação.

A região de Emilia Romagna, à qual Parma pertence, pediu que seja declarado o estado de emergência, ao passo que o presidente da câmara da cidade, Federico Pizzarotti, criticou a falta de fundos para garantir a segurança do território perante este tipo de eventos meteorológicos.

Entretanto, em Génova, prosseguem os trabalhos para eliminar a lama, com a ajuda do Exército, e as condições meteorológicas tendem a melhorar, segundo as previsões.

JN

Proudly Powered by António Cunha Santos